Enxergando o futuro

Um planejamento financeiro de longo prazo com um plano de previdência privada pode influenciar positivamente a qualidade da aposentadoria. O grande segredo de um futuro tranquilo é alcançado com educação financeira atrelada a metas. A previdência complementar pode ser encarada como meta a longo prazo a ser trabalhada até o término da vida laboral.

Foi dessa maneira que Edgar Mota Cavalcante, de 79 anos, se programou durante sua fase laboral. “Determinava anualmente o quanto teria que investir para meu futuro, e essa opção de ter um plano de previdência foi uma escolha assertiva. O valor já era descontado da minha folha de pagamento, e não havia dificuldades para escolher onde investir, pois a empresa já fazia isso por mim”, afirma o aposentado.

Trabalhando com a disciplina e os olhos no futuro, investir na previdência privada faz com que a aposentadoria seja algo menos penoso. Não é temeroso como receber apenas o INSS, cujo teto chega a R$ 4.663,75. Além disso, um plano de previdência pode ser um planejamento sucessório, ou seja, ele visa à proteção e perpetuação do patrimônio da família. Ele cria mecanismos familiares, societários ou tributários para a manutenção da renda e dos negócios na ausência do principal provedor.

“Planejei e contribuí durante anos para minha aposentadoria, e ter investido em uma previdência complementar trouxe um diferencial nas minhas finanças. Se dependesse só da aposentadoria do INSS, hoje, não teria tranquilidade”, conclui o senhor Edgar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s