Cuidado com os gastos para não começar o ano no vermelho

A servidora pública Jeanne Santos não abre mão de viajar com a família todos os anos. “Mas, como só eu trabalho lá em casa, fica difícil arcar com tantas despesas. Por isso, planejo o destino com muita antecedência e não gasto com bobagem”, ensina. A bancária Sandra Rosa aproveita o programa de milhagens para desafogar o bolso. “Fico sempre muito ligada nas promoções que as empresas aéreas oferecem. Já fiz várias viagens sem gastar um tostão com bilhetes”, destaca.

Para a economista Marília Ribeiro, é de bom alvitre começar o ano sem dívidas. “O ideal é chegar em janeiro e fevereiro sem dívidas de férias. É bom lembrar que começo de ano tem várias taxas e impostos que precisam ser pagos, como IPVA, IPTU, material escolar, entre outros”, orienta.

Veja algumas dicas para evitar excessos:

– uma forma efetiva de economizar com refeições quando se está de férias é preparar os lanches, em vez de ir a lanchonetes ou comer na rua;
– planeje o destino com antecedência. Pesquise preços de hospedagem e de passagens aéreas em mais de uma agência de turismo;
– se possível, pague tudo à vista ou compre o mínimo possível no cartão de crédito, para não comprometer a renda futura;
– evite os locais mais badalados. Dê preferência por passeios gratuitos;
– evite comprar por impulso. Será que realmente é necessário levar lembrancinhas para várias pessoas? A conta pode pesar, e muito!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s