Coleção para aplicar em casa

Desde que a Estratégia Nacional de Educação Financeira – Enef foi criada, várias escolas, especialmente as privadas, incluíram atividades no currículo com o propósito de levar educação financeira para as salas de aula. A notícia é bem-recebida, mas como o acesso a esse tipo de conteúdo é uma realidade distante para muitas escolas, o ideal é que os pais busquem informação para trazer esse tema para casa.

Pensando nesse público, as educadoras financeiras Carolina Ligocki e Silvana Iunes criaram a coleção Educação Financeira em Casa. O material é bastante prático, composto por dois livros de atividades, sendo um voltado para pais de crianças entre 6 e 11 anos, e outro, pensado para o público adolescente e jovem. A proposta do material é aproveitar situações corriqueiras, como um momento em que a família está almoçando, vendo televisão ou indo ao supermercado, para desenvolver atividades que tragam reflexões para todos.

Silvana explica que a ideia é ampliar a visão não apenas da criança, mas dos próprios adultos. “Por exemplo, há uma atividade em que sugerimos que o filho analise um cupom de supermercado para ver o total das compras e o quanto de imposto está sendo pago pelos produtos. Às vezes os próprios pais nunca olharam a nota com calma e nem sabem que os impostos são informados no cupom. Os pais não incorporam esse hábito e, nessa atividade, eles têm a oportunidade de parar para pensar sobre isso”, relata a educadora.

Na mesma linha, há atividades que procuram ampliar conceitos sobre formas de ganhar dinheiro, desejos e necessidades, sustentabilidade do planeta e sustentabilidade financeira, como fazer mais com o dinheiro que você já tem, entre outros conceitos. O material pode ser adquirido no site da Oficina das Finanças.

Deixe uma resposta