Dúvidas: Orçamento

Há muito tempo não consigo sair do vermelho. Uso todo mês o cheque especial e tenho empréstimo no banco. Não sei o que fazer para fazer com que minhas contas fiquem dentro do meu orçamento.

Para fazer sobrar dinheiro ao final do mês, não há segredo: o dinheiro que entra em sua conta deve ser maior do que o que sai. Se essa conta não estiver fechando, você deve aumentar as receitas ou diminuir as despesas. Se puder fazer as duas coisas ao mesmo tempo, melhor ainda!

Antes de mais nada, é necessário saber exatamente como você está financeiramente. Caso ainda não tenha o hábito de fazer o controle financeiro de suas receitas, despesas, bens e dívidas, comece imediatamente. Assim como para manter a forma é necessário ficar de olho em medidas como peso e percentual de gordura, ter uma vida financeiramente saudável requer que se faça um controle de suas finanças. O ideal é que você mesmo faça esse controle, isso será ótimo para sua inteligência financeira, mas se não quiser, peça a alguém para fazê-lo por você. Acredite: muitas vezes, o simples fato de se começar a fazer esse controle é suficiente para causar mudanças incríveis de comportamento que resultam em mais dinheiro na sua vida.

Tendo um histórico de rendas e gastos na mão, veja o quanto costuma ganhar por mês e compare esse valor com o seu gasto médio mensal. Observe o tamanho da diferença entre as receitas e as  despesas e tente imaginar o quanto isso representa. Por exemplo, um total de despesas R$ 200 maior que o total de receitas pode ser visto como um mês do combo televisão + internet + telefone ou uma ida à churrascaria favorita da família. Analise as despesas por categoria e classifique-as da maior para a menor. Veja se essa ordem vai ao encontro de suas prioridades na vida. Afinal, faz pouco sentido gastar R$ 2 mil por mês com carro e R$ 500 com livros e cursos se você valoriza mais sua educação do que um meio de transporte mais confortável.

Para aumentar as receitas, procure fontes alternativas de renda como um emprego extra nos períodos de folga. Lembre-se, entretanto, que trabalhar mais significa ter menos tempo para o descanso, o lazer e para passar com a família e os amigos, de forma que não raro a melhor solução acaba sendo reduzir as despesas. A chamada “inflação do estilo de vida” nos faz esquecer de que precisamos de muito menos bens para sermos felizes do que imaginamos.

Assim que conseguir fazer sobrar dinheiro, coloque em prática um dos maiores segredos dos investidores: pague-se primeiro. Assim que receber o salário na sua conta, separe dinheiro para emergências, mimos, projetos vindouros, aposentadoria e independência financeira. Seu eu-futuro lhe será muito grato por isso.

Vocês indicam um aplicativo para computador onde eu possa fazer meu controle financeiro mensal? Sei que há alguns aplicativos que “conversam” com a conta bancária e facilitam os lançamentos de débito e crédito. Podem me auxiliar?

Dentre os aplicativos para computador, você pode escolher entre um programa especialmente criado para fazer esse controle ou pode usar uma planilha como a do Microsoft Excel ou do Libreoffice Calc. Seguem nossos comentários sobre alguns dos programas mais populares:

– Quicken: talvez não seja a melhor opção para todos, pois é em inglês e pago, mas é um dos programas mais antigos e completos do mercado. Atualmente existem diversas opções gratuitas e em português, que podem ser online ou com instalação no computador. O sistema bancário brasileiro ainda não permite 100% de integração online com esse tipo de programa. O que temos são exportações de extratos do seu internet banking para um arquivo, que podem ser importadas para o programa e depois classificadas manualmente. Não é um bicho de sete cabeças e nem muito trabalhoso, mas está longe de ser automático.
– Manubia: Online, com versão gratuita e paga. Fácil de utilizar e com interface bonita, mas aparentemente sem importação do extrato.
– Organizze: Online, com versão gratuita e paga. Apesar de bem simples e com poucos recursos, possui uma boa interface, e a importação de dados funcionou perfeitamente.
– Microsoft Money: Instalação. Um dos melhores programas pagos já desenvolvidos. Possui uma excelente versão em português, fácil de usar e com boa integração com os bancos, mas que deixou de ser atualizada em 1999 por não ser rentável em nosso mercado (pessoas físicas não gostam de pagar por programas). A versão mais atual (MS Money Plus Sunset) está disponível apenas em inglês e é gratuita.
– JFinanças: Instalação. Ótima interface, totalmente em português. É pago, mas possui uma versão de testes 100% funcional. Importação de dados funciona bem.
– FinanceDesktop. Instalação. Boa interface, gratuito e totalmente em português. Importação de dados funcionou perfeitamente.
– Hábil Pessoal. Instalação. Boa interface, gratuito e totalmente em português. Com uma função especial de controle de gastos com carros.

Antes de escolher um aplicativo para utilizar para valer, recomendamos que experimente as diversas opções acima, além de outras que encontrar e julgar interessantes. Lembre-se que o melhor sistema para controle financeiro não é o mais bonito, o mais caro ou o que possui mais recursos, mas o que você conseguir utilizar por mais tempo.

Como faço para deixar de ser um consumista inveterado?

Primeiro saiba que não há nada de errado em consumir produtos e serviços, apenas o seu exagero quando compromete o seu orçamento familiar é que pode se tornar um problema para você e sua família. Evitar compras por impulso é o primeiro passo para reverter essa situação: ao encontrar um item de que gostou muito e quer comprar, coloque-o em uma lista de desejos e se depois de 15 dias esse item ainda for importante para você, compre, mas caso ele já não seja tão importante remova-o da sua lista.

Muitas coisas que compramos por impulso perdem a importância logos nos primeiros dias, pois era algo de que não estávamos realmente precisando e que apenas nos pareceu muito importante no momento. Avalie também de quanto tempo de trabalho você deve dispor para comprar o item que quer: 20 minutos? 1 hora? 1 dia? 1 semana de trabalho? O item que você está comprando vale esse tempo que teve que trabalhar para adquiri-lo? Ao avaliar o esforço que é necessário para adquirir um item, passará a valorizar mais o seu tempo e isso lhe permitirá a fazer escolhas mais conscientes.

Por último, compre sempre à vista, não parcele mesmo que o valor seja baixo ou caiba em seu orçamento. Ao pagar a vista estará realmente adquirindo algo que pode pagar no presente e não no futuro. Já terá utilizado seu esforço para adquirir este item e terá ainda mais consciência sobre o valor do produto versus o seu orçamento. Essa mudança no hábito de pagar também é muito efetiva para evitar compras por impulso, pois se não tem 100% do dinheiro a disposição para comprar no momento, deverá adiar a compra.

Comprar por impulso é uma decisão tomada inconscientemente, e ao passar a questionar e fazer suas compras de forma consciente irá iniciar a mudança que procura. Logo se tornará um hábito e como todo hábito acontecerá naturalmente, sem esforço.

FALE_COM_CONSULTOR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s